Tudo o que você precisa saber para trazer seu PET para o Canadá

Por M.V. Dra. Juliana Stephani, da Pet Friendly Turismo



Viajar com animal para o Canadá exige um bom planejamento. Ainda assim, é bem mais simples do que para outros países.


Embora o país não exija microchipagem ou outro tipo de identificação permanente, os bichinhos de estimação só podem entrar em solo canadense se estiverem com a vacinação da Raiva em dia.


Ademais, as companhias aéreas têm regras bem específicas e podem proibir o transporte de algumas raças consideradas perigosas. Leia abaixo as regras para viajar com animal para o Canadá.



Documentação Exigida


Se comparadas com as exigências para levar pets para outros países, como Japão ou Portugal, as regras para viajar com animal para o Canadá são menos rigorosas. O país não exige quarentena, nem microchipagem ou tatuagem de identificação de cães e gatos.


Entretanto, é preciso apresentar o Certificado Zoossanitário Internacional (CZI) e a Carteira de vacinação atualizada. Pode ser necessário que o seu bichinho de estimação passe por uma inspeção ao chegar no aeroporto de pouso no Canadá.


Certificado Zoossanitário Internacional


Toda vez que você for levar o seu animal de estimação em uma viagem internacional, será preciso emitir o CZI dele. Esse documento é fornecido pelo Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional (Vigiagro) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Assim, para emiti-lo, é preciso agendar uma consulta em qualquer aeroporto Internacional, levando:

  • Atestado veterinário do pet;

  • Carteira de vacinação;

  • Requerimento para Fiscalização de Animais de Companhia;

Embora você esteja com tudo organizado, só marque a entrevista para a emissão do CZI para a semana da viagem, pois ele vale por apenas dez dias.


Carteira de Vacinação


A carteira de vacinação é outro documento que deve ser apresentado ao chegar no Canadá.

Não é necessário que ela esteja preenchida em inglês ou francês, porém precisa ter todas essas informações:

  • Nome

  • Peso médio

  • Sexo

  • Raça e cor

  • Aplicação da vacina contra a raiva

  • Data da aplicação


Regras das Companhias Aéreas


O primeiro passo para viajar com animais para o Canadá é avisar a companhia aérea no momento da compra da passagem e 24h antes do embarque. Essa ação é necessária pois existe um limite de bichos de estimação por voo.




Viagem na Cabine


Para que o seu cão ou gato viaje na cabine pela companhia Air Canada, é preciso que o peso dele somado ao da caixa ou bolsa de transporte não ultrapasse 10kg.

O kennel precisa ficar fechado o tempo todo e ser feito de material impermeável, para que nenhum tipo de líquido vaze. As dimensões geralmente são as seguintes:

  • Estrutura rígida: 23cm de altura x 40cm de largura x 55cm de comprimento;

  • Bolsas: 27cm de altura x 40cm de largura x 55cm de comprimento.

No entanto, as medidas exigidas dependem do modelo do avião.

Cada passageiro só pode levar um animal e o valor cobrado é de USD$ 100,00 mais taxas.

Por outro lado, crianças ou pessoas sentadas na primeira fileira das classes aéreas ou na de saída não podem viajar com pets.

Na United Airlines, os cachorros e gatos devem ter pelo menos 16 semanas de idade. Já o valor para viajar com animal para o Canadá é de USD 125 por trecho.


Viagem no Porão


Na Air Canada, os animais com até 45kg (peso dele somado com o da caixa) devem viajar no compartimento de carga. Cada passageiro pode levar até dois pets, e deverá pagar USD$270.00 (mais taxas) para transportar cada um.


Para viajar na cabine ou no porão, a Air Canada ainda exige que o bichinho tenha pelo menos 12 semanas de idade e seja totalmente desmamado. Se você vai viajar com animal para o Canadá por outra companhia aérea, verifique as regras e exigências antecipadamente, pois elas podem ser diferentes.


Quais as exigências para viajar com um animal?

A Canadian Food Inspection Agency (CFIA) regulamenta a entrada de cães e gatos no Canadá, seja por motivos de viagem ou de forma permanente. Sendo assim, além do Certificado Zoossanitário Internacional e da carteira de vacinação, os pets precisam passar por uma inspeção ao chegar em qualquer aeroporto do país.

Essas regras ainda se aplicam para animais em trânsito, ou seja, que estão fazendo uma conexão no Canadá.



Inspeção


O seu bichinho de estimação deverá passar por uma inspeção ao chegar no Canadá, realizada pela Canada Border Services Agency (CBSA). Nessa etapa, toda a documentação do seu pet será verificada. A inspeção custa CAD $30,00 + impostos para o primeiro animal; e CAD $5,00 + impostos para cada bichinho de estimação adicional no embarque.


Agora, se o cão ou gato não tiver tomado a vacina antirrábica, existem outras documentações específicas. Neste caso, será necessário pagar CAD $55,00 + taxas para o primeiro animal e CAD $30,000 + taxas para cada adicional.


Vacinas Necessárias


Todos os cães e gatos com mais de três meses precisam estar com a vacinação anti-rábica em dia, exceto animais de países livres da raiva, como Nova Zelândia, Austrália e Uruguai.


O certificado de vacinação contra a raiva deve ser escrito em inglês ou francês e conter as seguintes informações:

  • Identificação (como raça, cor e peso);

  • Declaração que o animal está vacinado contra a raiva;

  • Data da vacinação;

  • Nome comercial e o número de série da vacina licenciada;

  • Duração da imunidade (ela será considerada válida por um ano se não tiver essa informação).

Além disso, o documento precisa ser emitido e assinado por um veterinário licenciado.


Raças Proibidas


Determinadas raças de cachorros são banidas de algumas províncias e cidades canadenses. Em Ontário, por exemplo, as raças American Staffordshire Terrier, Pit Bull Terrier, e Staffordshire Bull Terrier são banidas de viver e transitar.


Portanto, pesquise com especialistas se a raça do seu cão é aceita no destino que você escolheu.


Como viajar por avião de forma segura?



A melhor forma para garantir que a viagem com seu bichinho de estimação seja tranquila e segura é se atentando a todas as exigências das companhias aéreas, bem como da imigração de destino.

Além disso, tenha certeza de que seu pet irá se manter calmo durante todo o voo. Para isso, acostume ele a ficar dentro da caixa, se possível faça pequenas viagens de carro.


Agradecemos a Dra Juliana Stephani da PETFriendly Turismo pelas dicas. Muitos de nossos clientes já trouxeram seus pets para o Canadá através da PETFriendly com sucesso.


Para saber mais sobre imigração e estudos no Canadá, basta entrar em contato via whatsapp ou contato@canada.com.vc .